Anúncios

3° parcela do auxílio de alguns pode ser cortado

Anúncios

O benefício emergencial de R$ 600,00 vem sendo pago para milhões de brasileiros, mas a 3° parcela do auxílio de alguns brasileiros poderá ser cortada.

Anúncios

Portanto, isso significa que ter recebido a primeira e a segunda parcela não garante o recebimento das demais.

A razão para isso é que a cada pagamento uma reanálise do cadastro será realizada.

Segundo Onyx Lorenzoni, Ministro da Cidadania, a ideia é que os pagamentos indevidos, ou seja, de quem fez o cadastro irregularmente, seja cancelado.

Por exemplo, se o cidadão recebeu a primeira parcela do auxílio, mas entre o pagamento da segunda tenha conseguido um emprego de carteira assinada, ele já não tem mais direito ao benefício.

Afinal de contas, caso o beneficiário tenha um emprego formal, o sistema de análise dos dados vai vetar o pagamento automaticamente.

Anúncios

Inclusive, essa mesma premissa é válida para quem vai começar a receber outro benefício entre a primeira e a segunda parcela, como, por exemplo, a aposentadoria.

Por essa razão, a 3° parcela do auxílio de alguns brasileiros poderá ser cortada, já que será realizada uma nova análise dos beneficiários para se ter a garantia de que todos cumprem os requisitos necessários.

Outros motivos que levam ao 3° parcela do auxílio a ser cortada

Além disso, existem também alguns motivos que podem levar ao corte da terceira parcela do auxílio emergencial:

  • Está recebendo seguro desemprego;
  • Ser empregado de carteira assinada;
  • Ser aposentado ou pensionista do INSS;
  • CPF irregular;
  • Receber outros benefícios, comoBenefício de Prestação Continuada (BPC); Auxílio Doença; Garantia Safra; Seguro Defeso; com exceção do Bolsa Família;
  • Ser de família em que a renda mensal por pessoa é superior a meio salário mínimo, (R$ 522,50);
  • A renda familiar mensal total seja superior a 3 salários mínimos (R$ 3.135);
  • Limite maior do que duas pessoas que recebam Bolsa Família na mesma família.

E o calendário da terceira parcela?

Segundo Pedro Guimarães, presidente da Caixa Econômica Federal, o calendário de pagamento da terceira parcela estará disponível em duas semanas.

Além disso, ele afirmou que deve anunciar o cronograma de repasse do beneficio para o pagamento de lotes residuais em que visa aqueles trabalhadores que ainda não receberam nenhuma parcela do auxílio emergencial.

Mais Aprovados do Site!

APROVAÇÃO EM ALTA!
Neon Visa
COMO SOLICITAR
Buscapé PAN
COMO SOLICITAR
RECOMENDADO!
cartão-de-crédito-santander-sx-visa
Santander SX
COMO SOLICITAR
Bom pra Crédito
COMO SOLICITAR
Credicard Zero
COMO SOLICITAR

0

Valor Notícias
Logo