Seguro-desemprego começa a ser pago na poupança digital

Anúncios

A partir desta terça-feira (20), o Governo vai começar a fazer o depósito do seguro-desemprego na conta poupança social digital aberta de forma automática em nome dos trabalhadores que não tem conta na Caixa Econômica Federal e nem indicaram outra conta para o pagamento do benefício.

Dessa forma, a medida tem o objetivo de facilitar os pagamentos do auxílio, especialmente após o agravamento da pandemia da covid-19 no Brasil.

O pagamento digital do benefício é mais uma alternativa para quem tem direito ao seguro-desemprego. Desse modo, todas as opções de acesso ao auxílio disponíveis anteriormente continuam válidas, ou seja, depósitos em contas da Caixa ou demais instituições financeiras.

Anúncios

A poupança digital é gratuita através do aplicativo Caixa Tem e está disponível para maiores de 18 anos com CPF em situação regular na Receita Federal.

Através do aplicativo, o trabalhador poderá pagar todas as contas e boletos, transferir os valores ou até mesmo gerar senhas para sacar o benefício.

Sobre o seguro-desemprego

O seguro-desemprego é o benefício pago aos trabalhadores formais em caso de demissão sem que haja justa causa.

O valor do auxílio é determinado de acordo com a média dos últimos salários e não pode ser menor que o salário mínimo vigente, que é de R$ 1.100,00.

No total, são pagas de 3 a 5 parcelas, sendo que o valor de cada uma delas não pode ser superior a R$ 1.911,84.

Como solicitar o seguro-desemprego?

Para solicitar o seguro-desemprego você deve acessar o site do Emprega Brasil e fazer o seu cadastro informando:

  • Nome completo;
  • CPF;
  • Data de nascimento;
  • Estado de nascimento e nome da mãe.

Em seguida, é preciso responder o questionário com 5 perguntas, sendo preciso acertar no mínimo 4 delas. Nesse caso, será enviado uma senha provisória para o primeiro acesso e em seguida você deve escolher a sua senha definitiva.

Compartilhe:

Posts Relacionados