INSS: veja os benefícios que serão prorrogados automaticamente por conta da pandemia

Anúncios

No Diário Oficial da União foi divulgada a Portaria que autoriza que o INSS (Instituto Nacional do Seguro Social) prorrogue automaticamente o benefício do auxílio doença.

Segundo o documento que foi publicado, mesmo sem a realização do procedimento de perícia, os salários serão prorrogados de maneira automática.

Isso porque, a Portaria lançada irá vigorar enquanto durar a situação de calamidade pública no Brasil por conta do coronavírus.

Anúncios

Além disso, foi prorrogado pelo Instituto Nacional do Seguro Social o atendimento remoto das agências do país até o dia 22 de maio.

Essa decisão acontece por conta da pandemia causada pelo covid-10, doença do novo coronavírus.

De acordo com o que foi informado, o Instituto foi considerar o limite máximo de pedidos de prorrogação para até a obtenção do benefício.

Assim sendo, no momento dessa efetivação, será gerada uma prorrogação de maneira automática, sem que haja necessidade de se realizar a perícia médica.

Então, depois que for autorizado os atendimentos presenciais pelo Ministério da Saúde, os atendimentos vão ser retomados diretamente nas agências.

Por conseguinte, as perícias vão ser reagendas para serem feitas novamente de maneira presencial.

Portanto, será necessário que o beneficiário compareça para que ele continue a receber o pagamento do benefício do INSS.

Meu INSS

Quem é beneficiário e estiver enquadrado no perfil, poderá fazer o pedido de prorrogação dos pagamentos através do site oficial do Instituto.

Além desse modo, é possível fazer a solicitação também através da central, ligando para o número 135.

Lembrando que o pedido pode ser realizado 15 dias antes do término do auxílio.

Além disso, é válido frisar que o Instituto está recebendo atestados de maneira digital, através do site oficial também.

Dessa maneira, a pessoa que fizer uso da plataforma para encaminhar o documento e fazer a solicitação do benefício receberá de maneira automática uma antecipação de R$ 1.045,00, depois de o atestado ser realmente validado pela perícia médica.

Como pedir a prorrogação?

Após ser cadastrado no site do Meu INSS, é necessário clicar em “entrar” e uma nova tela será aberta, onde deverá digitar o CPF e a senha que foram cadastrados.

Então, em seguida, basta clicar em “agendar perícia”, uma nova tela será aberta, o segurado assim deve escolher a opção “perícia de prorrogação” e apertar “selecionar”, mesmo que o exame não venha a acontecer.

Por fim, é só fazer a confirmação dos dados.          

Compartilhe:

Posts Relacionados