Como melhorar o capital de giro do meu negócio? 

Neste texto você descobrirá como melhorar o capital de giro do seu negócio com dicas indispensáveis.

Anúncios


Se você montou um negócio, mas não conseguiu investir o suficiente inicialmente no seu capital de giro, deve melhorar essa ferramenta quanto antes. 

O capital de giro é fundamental para a saúde financeira de uma empresa. Ele desempenha vários papéis importantes. 

Por isso, é indispensável criar um capital eficiente e bem estruturado.  No texto de hoje você descobrirá como o melhorar, sua importância e para que serve. 

Então, não deixe de conferir! 

    O que é capital de giro e por que ele é importante? 

    O capital de giro é a quantia de dinheiro que a sua empresa precisa para funcionar no dia a dia. 

    Ele é a diferença entre o ativo circulante (tudo o que é convertível em dinheiro a curto prazo, como contas a receber e estoque) e o passivo circulante (tudo o que a empresa precisa pagar a curto prazo, como contas a pagar e impostos). 

    Um capital de giro saudável é fundamental para o sucesso do seu negócio. Ele garante que você tenha dinheiro suficiente para, por exemplo, pagar as contas em dia. 

    Em consequência disso, evita atrasos no pagamento, o que pode prejudicar a reputação da empresa e gerar juros e multas. 

    Além disso, ele também serve para garantir que você consiga manter um bom nível de estoque.

    Nesse sentido, com um estoque adequado, você não ficará sem produtos para perder e não perderá oportunidades de negócio. 

    Ainda, com um capital de giro positivo, você tem a chance de investir em novos produtos, serviços, marketing e expansão da sua empresa.

    Ele serve para as operações do dia a dia da sua empresa que podem incluir, por exemplo: 

    • Compra de produtos;
    • Pagamentos de fornecedores;
    • Pagamentos de despesas;
    • Investimentos em marketing;
    • Pagamentos de funcionários.

    + Saiba mais sobre capital de giro e como fazer no texto do portal do SEBRAE

    Como melhorar o capital de giro do meu negócio?

    Infográfico com 7 dicas de como melhorar o capital de giro do seu negócio

    Nos próximos parágrafos você encontrará algumas dicas úteis que vão te ajudar a melhorar o capital de giro do seu negócio. 

    1. Negocie prazos mais longos com os fornecedores

    Ao solicitar prazos mais longos com os fornecedores, você terá mais tempo para pagar e para se organizar financeiramente. 

    Com um prazo mais estendido, é possível ter mais tempo para vender os produtos e receber dos clientes antes de precisar pagar as contas. 

    Não se esqueça de pagar os fornecedores na data acordada, sem atrasos, para evitar perder bons fornecedores e para manter-se fiel a sua palavra.

    Caso as vendas sejam acima do esperado, você pode adiantar o pagamento dessa despesa. 

    Essa ação pode envolver comprar menos à vista e mais a prazo também, pois isso ajuda a manter mais dinheiro disponível no caixa.

    Entretanto, é uma ação que deve ser praticada com muita inteligencia financeira para evitar acúmulo de dívidas e juros em excesso. 

    2. Reduza o estoque

    Outra medida importante para quem precisa melhorar o capital de giro é na redução do estoque. 

    Mantenha apenas o estoque necessário para atender às suas vendas. 

    Um estoque alto pode te deixar com muito dinheiro parado, o que pode prejudicar o seu capital de giro.

    Como foi dito anteriormente, o capital de giro é importante para manter o estoque em bom nível. 

    Todavia, isso significa em um nível equilibrado; que não te faça perder oportunidades de venda, mas que também não te faça ficar com dinheiro parado em mercadoras. 

    Avalie a possibilidade de adotar um sistema de estoque sob demanda. Isso reduz os custos de armazenamento e libera capital.

    Saber gerenciar esse departamento é muito importante para manter um capital de giro positivo e saudável.

    3. Como melhorar o capital de giro: acelere a cobrança de contas a receber

    Outra ação é acelerar a cobrança das contas a receber. No entanto, esse passo deve ser conduzido com muita responsabilidade e coerência. 

    Entre as medidas mais inteligentes que podem ser adotadas, você pode, por exemplo, oferecer descontos para pagamentos à vista ou parcelar as contas dos seus clientes.

    + ICMS: o que e como esse tributo é cobrado?

    4. Venda à vista

    Ofereça descontos para pagamentos à vista. Isso pode te ajudar a receber o dinheiro das suas vendas mais rápido e melhorar o seu capital de giro. 

    Além de descontos, você pode oferecer outros tipos de recompensas para quem comprar à vista, e assim, fidelize seus clientes também. 

    5. Como melhorar o capital de giro: antecipe recebíveis

    Também é possível antecipar os recebíveis das suas vendas com bancos ou instituições financeiras. 

    Logo, essa iniciativa te dará acesso ao dinheiro das suas vendas antes de receber dos clientes. 

    Contudo, também deve ser feita com cautela, uma vez que pode haver o acréscimo de juros.  

    6. Obtenha financiamento

    Se você precisar de mais dinheiro para financiar o seu capital de giro, você pode obter financiamento com bancos ou instituições financeiras. 

    Antes de decidir, pesquise e compare as opções disponíveis para escolher a melhor alternativa. 

    + Aposentado precisa declarar Imposto de Renda? Saiba Agora

    7. Como melhorar o capital de giro: use a tecnologia para aumentar a produtividade

    Na nossa última dica para melhorar o capital de giro do seu negócio, recomendamos o uso da tecnologia. 

    Você pode usá-la para automatizar processos e utilizar sistemas de gestão e ferramentas que otimizem a administração financeira

    Com essa ferramenta, você pode economizar tempo e dinheiro, o que pode afetar positivamente seu capital de giro. 

    Não se esqueça também de acompanhar indicadores financeiros, pois eles permitem identificar problemas e tomar medidas preventivas. 

    Conclusão

    Melhorar o capital de giro da sua empresa é essencial para o seu sucesso. 

    Seguindo as dicas acima, você pode garantir que terá dinheiro suficiente para financiar as operações do seu dia a dia e investir no crescimento do seu negócio. 

    + Qual a importância e como fazer controle financeiro para pequenos negócios?