Empréstimo na conta de luz – Entenda

Anúncios

Muitas pessoas nunca ouviram falar em empréstimo na conta de luz, que é também conhecido como empréstimo alternativo.

Caso não saiba, se trata de uma modalidade destinada as pessoas que possuem dificuldade em acesso ao crédito, como ocorre com os consumidores que estão negativados e que representam cerca de 50% da população brasileira.

No entanto, por ainda se tratar de um empréstimo, é preciso avaliar bem se vale a pena adquiri-lo.

Mas afinal, o que é empréstimo na conta de luz?

Anúncios

Desde 2019 existe no mercado a possibilidade de se fazer um empréstimo em débito em conta de consumo.

Isso quer dizer que as parcelas do crédito são pagas mensalmente através da fatura da sua conta de luz.

Dessa maneira, o valor da parcela do empréstimo será somado ao consumo de energia da residência durante o mês.

Então, se normalmente o custo é de 60 reais de luz e se faz um empréstimo de R$ 1.000, já com juros, para pagar em 10 parcelas de R$ 100,00, quer dizer que durante 10 meses a fatura será de 160 reais (60 do consumo de energia e 100 referente ao dinheiro emprestado).

É importante frisar que a parcela máxima do empréstimo é, geralmente, limitada a duas vezes o valor médio da conta de energia elétrica, isso ajuda a minimizar a inadimplência.

Como funciona?

Primeiro é preciso compreender que esse é um empréstimo voltado para as pessoas de baixa renda, sendo uma linha de crédito que exige que o tomador da conta tenha uma conta bancária, uma vez que o dinheiro emprestado é depositado direto na conta do titular.

Cada empresa que oferta esse tipo de empréstimo apresenta um limite de valor diferente para empresa, mas, normalmente, a quantia parte de R$ 500,00 e pode chegar até R$ 2.500,00, com o prazo de pagamento de 3 a 18 meses.

Para contratar o empréstimo na conta de luz é preciso ter mais de 21 anos e menos de 79 anos e estar com as contas de consumo em dia.

Além disso, essa modalidade só é disponível para as seguintes regiões:

  • São Paulo;
  • Rio de Janeiro;
  • Ceará;
  • Goiás;
  • Rio Grande do Sul

Como fazer?

Para contratar é necessário ter os seguintes documentos em mãos:

  • Carteira de trabalho;
  • RG;
  • CPF:
  • Comprovante bancário;
  • Comprovante de residência.

Então, algumas empresas que fazem esse tipo de empréstimo sãoCPFL, Celesc e Enel X, logo não é a concessionária que realiza o empréstimo, mas sim a financeira. 

O processo para formalizar o contrato de empréstimo é online. Após separar os documentos, é necessário fazer o cadastro completo no site da empresa que você escolher.

Dessa forma, o perfil do solicitante será analisado e se o crédito for aprovado, o cliente poderá receber o dinheiro emprestado na conta bancária em até 24 horas. 

Compartilhe:

Posts Relacionados