Saques de R$ 300 vão continuar até 2021

Anúncios

Segundo o calendário divulgado pela Caixa Econômica Federal (CEF) que liberou todas as parcelas do auxílio emergencial. Os depósitos realizados em conta poupança digital terminam em 29 de dezembro de 2020. Já os saques em dinheiro e transferências terão continuidade até o dia 27 de janeiro de 2021.

No entanto, nem todos os beneficiários receberão as 4 parcelas de R$ 300,00 do auxílio emergencial.

Afinal de contas, ficou evidente que apenas quem recebeu a primeira parcela do auxilio em abril receberá as quatro parcelas de R$ 300,00.

  • Quem recebeu a 1ª parcela em abril: 9 parcelas;
  • Quem recebeu a 1ª parcela em maio: 8 parcelas;
  • Quem recebeu a 1ª parcela em junho: 7 parcelas;
  • Quem recebeu a 1ª parcela em julho: 6 parcelas.
Anúncios

Aliás, confira na integra:

  • Quem recebeu a última parcela de R$ 600 em agosto: vai receber 4 parcelas de R$ 300 nos meses de setembro, outubro, novembro e dezembro;
  • Quem recebeu a última parcela de R$ 600 em setembro: vai receber 3 parcelas de R$ 300 nos meses de outubro, novembro e dezembro;
  • Quem recebeu a última parcela de R$ 600 em outubro: vai receber 2 parcelas de R$ 300 nos meses de novembro e dezembro;
  • Quem recebeu a última parcela de R$ 600 em novembro: vai receber apenas 1 parcela de R$ 300, em dezembro.

Além disso, para quem contestou, através da plataforma entre 20 de julho e 25 de agosto, e for considerado elegível, receberá no total as 4 parcelas de R$ 600,00, começando a partir do ciclo 3. Porém, essas pessoas não terão direito as parcelas de R$ 300,00.

Aliás, mulheres chefes de família têm direito a duas cotas:

  1. 5 parcelas de R$ 1.200,00;
  2. 4 parcelas de R$ 600,00.

Ciclos

O Governo manteve a forma de pagamento através dos ciclos. Para isso, as datas foram reorganizadas.

Então, todos os beneficiários recebem uma nova parcela (seja de R$ 600,00 ou R$ 300,00), de acordo com o mês de aniversário do beneficiário.

No momento, a Caixa está concluindo o ciclo 2, que não sofreu alterações. Contudo, a partir do ciclo 3, aconteceram mudanças, os beneficiários que começaram a receber em abril terão o deposito de sexta parcela já com valor de R$ 300,00.

Entretanto, os ciclos não são válidos para quem está inscrito no Bolsa Família, este grupo já recebeu a sexta parcela e no dia 19 de outubro começaram a receber a sétima parcela.

Compartilhe:

Posts Relacionados